Patricia Maldonado

Esqueça tudo que você conhece sobre chefs de cozinha. Esse site é de alguém que transcende esse título, essa profissão. Alguém que vai além. Alguém que descobriu, há muito tempo, que cozinhar significa cuidar e isso ela já nasceu sabendo fazer. Daí a aprender as técnicas com as panelas, fornos e fogões foi um pulo. Ser a mestre cuca dos amigos era bem bacana, mas não o suficiente para quem tem tanto prazer em agradar. Resolveu então levar o talento nato mais a sério e foi estudar gastronomia. Já craque no assunto, montou sua própria empresa mas, como sempre, queria mais. Embarcou para a França a fim de se aprimorar. Na volta abriu um restaurante, um buffet e dia desses assumiu um quadro num programa de TV na internet. A vida virou uma correria e, curioso, na contra-mão da rotina maluca, ela permaneceu com a certeza de que comida boa é comida que se come com calma, que alimenta o corpo e, principalmente, a alma. Por isso hoje é impossível não lembrar dela quando se fala em comfort food, uma de suas especialidades. Quando se pensa em cheirinho de comida da vovó, aquele prato que dá vontade de degustar devagarinho, que mexe com a memória e traz sensação de bem-estar, é inevitável! O nome dela vem imediatamente a cabeça: Renata Cruz! Ou, Rê, para os íntimos! Faço parte desse clã e, por isso, posso dizer sem medo de errar: o sucesso da comida da Rê não está só no tempero ou no conhecimento adquirido ao longo do tempo. Também é mais do que talento. O sucesso da comida da Rê é que debaixo do dolmã, existe um coração que quer ver todo mundo feliz!